CADCA escolhe bairros de Recife para o desenvolvimento de coalizões comunitárias

Para criar e manter uma comunidade segura, saudável e livre de drogas, a organização internacional de Coalizões Comunitárias Antidrogas da América (CADCA) apresentou, na tarde da quarta-feira (26), à Prefeitura do Recife, através da Secretaria de Enfrentamento ao Crack e Outras Drogas (SECOD) e da secretária da pasta, Aline Mariano, o projeto que vai implementar na cidade. A organização internacional escolheu as comunidades de Brasília Teimosa e Santo Amaro para receberem treinamentos como parte do projeto de expansão das coalizões comunitárias no Brasil. A formação será realizada em setembro e outubro, nos respectivos bairros, para educar a população sobre as últimas tendências em abuso de drogas e como tentar solucionar os problemas relacionados ao consumo. Além do Recife, as cidades de São Paulo e Rio de Janeiro também serão capacitadas.

Nos dias 3 e 4 de setembro, das 8h30 às 17h, a Comunidade de Brasília Teimosa receberá a formação. No próximo dia 2 setembro, das 14h às 16h, o projeto e o calendário de atividades serão apresentados às lideranças comunitárias do bairro de Santo Amaro para que, em outubro, a capacitação comece. A CADCA educa a população sobre as últimas tendências em abuso de drogas, constrói coalizões comunitárias do alicerce ao topo e desenvolve ferramentas úteis e recursos que dão autonomia às comunidades para solucionar os problemas relacionados ao consumo de drogas e álcool. Para a Presidente da Associação Pró Coalizões Comunitárias Antidrogas do Brasil, Eliane Prado Marcondes, “é importante trazer o projeto para o Recife, capital de um estado significativo do Nordeste, uma vez que estamos expandindo para mais duas capitais, São Paulo e Rio de Janeiro. Estamos expandindo o debate da política sobre drogas”, explicou. “A iniciativa para a SECOD é de grande valor, porque uma das estratégias da metodologia do CADCA é ter o apoio do poder local. Os moradores se sentirão motivados quando os técnicos da secretaria estiverem atuando junto com eles na comunidade”, finalizou.

A capital de Pernambuco será a segunda cidade do país a receber a equipe que oferece treinamento, assistência técnica e outros recursos para auxiliar nas estratégias de coalizões comunitárias. Os treinamentos internacionais da CADCA fornecem as competências essenciais e habilidades para criação de uma cultura de legalidade e promoção da redução, em nível comunitário, dos índices de consumo de drogas.

No Brasil, a CADCA conta com a parceria da Associação Pró Coalizões do Brasil, uma organização sem fins lucrativos que vem há mais de quatro anos multiplicando o trabalho da CADCA, formando e prestando assistência a diversas coalizões comunitárias antidrogas. A CADCA tem trabalhado internacionalmente desde 2005, através do estabelecimento de coalizões comunitárias antidrogas multissetoriais, para reduzir o abuso de drogas. O trabalho internacional da CADCA reflete sua missão nos Estados Unidos: a de criar comunidades seguras, saudáveis e livres de drogas.

Extraído do site http://www2.recife.pe.gov.br/noticias/27/08/2015/organizacao-internacional-escolhe-brasilia-teimosa-e-santo-amaro-para-expansao , em 7 de setembro de 2016